Tretas e Cenas

Tretas e Cenas


Onde escrevo as minhas tretas. Tão depressa estou a escrever sobre algo poético como a seguir escrevo só para não me esquecer.

Outubro 2014
S T Q Q S S D
« Set   Mai »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Categorias


Chromecast

Pedro FonsecaPedro Fonseca

Todos sabem o que é o Chromecast, se estás a ler isto e não sabes, informa-te!

 

Versão curta para quem não tem tempo

Sim, podes comprar o chromecast, agora vai lá à tua vida.

 

Versão Longa

Decidi comprar este aparelho para puder ver/ouvir conteúdo de diversas fontes na TV de casa, como até à altura não tinha lido uma análise decente do ponto de vista não técnico e não conseguia perceber se valia apena, decidi arriscar e gastar uns euros.

Após duas semanas de espera, chegou a casa, não vou falar do unpacking nem do que trás, se queres ver isso, procura no tio google. Depois de ler as instruções, que são três imagens com uns textos super reduzidos lá liguei à TV e segui os passos. Aquilo actualizou, reiniciou e ficou pronto a usar.

Primeiro teste

Vídeos do youtube, passado meia hora todos cá em casa já tinham no seu dispositivo (telefones e tablets) a app chromecast instalada e tinham passado diversos vídeos num género de “vejam lá este que está muito fixe“.

Segundo teste

Verificar todas as sugestões que me deram no G+ quando disse que tinha chegado a casa, mas devo dizer que testei todas mas a que mais me agradou foi o PLEX. Fiz uns testes rápidos e sinceramente aquilo é a puta da confusão quando se está com pressa e não se lê as linhas todas dos “Como fazer”. Decidi deixar aquilo ali instalado no PC e retomar um dia com mais tempo. Ainda nesse dia consegui, por mero acaso e via PLEX, por a tocar musica da minha mega discografia dos anos 80 que tenho guardada de forma religiosa em formato digital, fantástico. Deve ser dito que tinha o PLEX para Android e que facilitou.

Terceiro teste

Retomei dias mais tarde, depois de uma noite bem dormida e com algumas horas de tempo livre até ao almoço, acordei decidido em por o PLEX a ler legendas. Descobri que têm de ter o mesmo nome do ficheiro ( regra elementar e que já se usa à imenso tempo ) mas o que eu não sabia é que temos de acrescentar a palavra “por” no fim, por exemplo: The.Bridge.US.S02E08.720p.HDTV.x264-KILLERS.srt passa a The.Bridge.US.S02E08.720p.HDTV.x264-KILLERS.por.srt. Isto faz com que o PLEX reconheça a legenda, mas só depois de configurar a língua que queremos, para isso é procurar nas configurações do PLEX que está lá enterrado nos menus.

Mas ter de fazer download da legenda não é pratico, portanto, tentei que o PLEX o fizesse por mim. Pois bem, ao que parece ele faz isso com ajuda do site opensubtitles.org, basta termos conta. Sorte a minha, o site dizia isto na altura do teste: Site will be online soon. We are doing some necessary backups and upgrades. Thanks for understanding. Portanto, nada feito.

Conclusão

Isto do chromecast é fixe porque permite “atirar” coisas para a TV e com magias negras isto funciona. Portanto, se tens filhos que passam a vida no youtube, se queres ouvir a tua discografia, se queres ver filmes ou séries sem que estejas “preso” a ver num PC/Disco ligado à TV/Tablet, esta é a escolha certa. Ainda tenho de dizer que o XMBC faz o mesmo que o PLEX e se calhar de melhor forma, mas ainda não testei.

Aviso já que se comprares o chromecast provavelmente vais gastar ainda mais dinheiro, desta vez numa NAS, porque isto até fica mais porreiro lá e escusas de ter PCs ligados a fazer de servidor. Cá em casa está no Portátil velhote mas uma NAS será a próxima compra. 🙂

Sou licenciado em Sistemas de informação na Universidade Lusófona, gosto de tecnologia, programação, desportos radicais, bicicletas e motas. Adoro o Sistema Android e começo a gostar de Linux. E ainda tenho a mania que sei cozinhar.

Comentários 0
Ainda não existem comentários